BIO - Novalis


Poeta alemão que influenciou o pensamento pós-romântico, às vezes chamado 'o profeta do Romantismo'. Novalis tomou o seu pseudónimo de "de Novali", um nome que a sua família anteriormente tinha usado. A imagem central das visões dos Novalis, uma flor azul, tornou-se mais tarde num símbolo de desejo entre os romanticos.


Georg Friedrich Philipp von Hardenburg (Novalis) nasceu em Oberwiederstedt, Saxónia Prussiana, numa família saxónica protestante da nobreza baixa. O seu pai era o director de uma mina de sal. Aos dez anos de idade, Novalis foi enviado para uma escola religiosa mas não se adaptou à sua disciplina rigorosa. Por algum tempo Novalis viveu com seu tio, grandseigneur, que abriu para ele as portas do racionalismo e cultura francesa. Ele então foi a Weissenfels, para onde o seu pai se tinha mudado, e entrou no ginásio de Eisleben. Em 1790-91 estudou lei na Universidade de Jena, onde encontrou Friedrich von Schiller e Friedrich Schlegel. Novalis completou os seus estudos em Wittenberg em 1793. As ideias da Revolução Francesa espalharam-se pela Alemanha e Novalis sonhou com um tempo quando as "paredes de Jericó" cairiam. O livro do Goethe Aprendizagem do Meister de Wilhelm, que lê em 1795, influenciou-o profundamente; considerou-o a Bíblia da "nova era". Em 1795-96 estudou os trabalhos de Johann Gottlieb Fichte. Aos 21 anos de idade muda-se para Tennstädt e emprega-se num Serviço Público.


Em 1798 Novalis publicou uma série de fragmentos filosóficos, FRAGMENTEN. A única colecção de poemas de Novalis, HYMNEN UM DIE NACHT (1800), foi dedicado ao seu primeiro grande amor Sophie von Kühn, que morreu em 1797. Novalis conheceu-a em Weissenfels quando tinha 13 anos. A sua morte aos quinze anos de idade, foi um choque profundo para Novalis. Na sua tristeza começou a manter um diário, suicídio contemplado. "Religião de Söphichen de zu de habe de Ich, nich Liebe," escreveu. Novalis começou a ver tudo na sua vida em relação a seu amor perdido.


Oito meses depois de sua morte, Novalis começou estudar tecnologia de minas na Academia de Feiberg. Aí tornou-se amigo de Ludwig Tieck e outro primeiro romântico. Foi assistente nos trabalhos de sal em Weissenfels (1796-97 e 1799-1801) e também foi associado com Bergakademie. Em 1798 relaciona-se com Julie von Charpentier; pensava fazer a presença de Sophie. Durante a sua viagem a Weimar que encontra Goethe, Herder, e Jean Paul, e em Jena os irmãos de Schlegel. Naquela época ele estava já seriamente doente, mas trabalhou nos seus escritos com um novo entusiasmo. Antes de poder casar com Julie, Novalis morreu de tuberculose em 2 de maio, 1801 em Weissenfels. Os seus dois romances filosóficos, HEINRICH VON OFTERDINGEN (1802, Henry Von Ofterdingen) e DIE LEHRLINGE ZU SAIS, foram deixados incompletos. Em Henry Von Ofterdingen, um poeta medieval jovem, Henry, procura a Flor Azul misteriosa. "Não é os tesouros que acordaram o desejo tão inexprimível em mim," Henry pensa. "Não há nenhuma avareza no meu coração; mas anseio receber uma visão da flor azul". Entre setembro 1798 e 1799 de março escreve fragmentos chamado 'Das Algemeine Brouillon'. Eram partes das suas enciclopédias planeadas, em que examinou a polaridade na natureza.


"O poeta genuíno," Novalis reivindicou, "é sempre sacerdote". Novalis definiu a poesia romântica como "a arte de aparecer estranho numa maneira atraente, a arte de fazer um assunto remoto mas familiar e agradável". Tudo torna-se romântico e poético, tudo pode ser idealizado, se "dá uma aparência misteriosa ao ordinário, a dignidade do desconhecido ao familiar e uma importância infinitude ao finito". Na terceira parte de Heinrich von Ofterdingen Novalis revelou o seu desejo profundo para o reconhecimento público. A história conta que um jovem humilde do bosque casa secretamente com uma princesa. Depois uma criança nasce deles e entram na presença do rei, que os recebe com alegria.


No seu ensaios Novalis desenvolve mais ainda as suas teorias de história, referindo filósofos como Platão, Plotinos, e Fichte. Em Die Christenheit oder Europa (cervejaria. 1826) Novalis prediz, que a apoteose da raça humana histórica e espiritual será alcançada quando a época de ciência for deixada para traz. O poder sem limites da Imaginação, "conhecimento mágico," combina todos os elementos de sentidos e princípios científicos inventados pela razão - Novalis chamou à sua filosofia "idealismo mágico". O mundo espiritual está aberto para todo o mundo todo o tempo. A capital da sociedade universal, onde espiritualidade e paz prevalecem, serão Jerusalém. Em Glaube und Liebe (1798) Novalis expressa a crença que essa espiritualidade universal é destinada a tomar o lugar de todas formas de governo humano. Schlegel e Novalis foram os primeiro a reconhecer que os relacionamentos históricos não são de natureza lógica. Novalis definiu a filosofia como saudade, como o desejo estar em casa em todos lugares, e o conto de fadas como um sonho de "essa pátria que está em toda parte e em nenhuma parte". As ideias de Novalis profundamente influenciaram as gerações de escritores alemães, entre eles Joseph von Eichendorff, Rainer Maria Rilke, Herman Hesse, e Thomas Mann. Os seus pensamentos prenunciaram visões modernas do renascimento cultural e espiritual da Europa. "Estamos perto acordando quando sonhamos que sonhamos," Novalis uma vez escreveu.

1 comentário:

Blue in Green disse...

Glad to stumble upon your blog and would like to retun here.
With best wishes

Poetícia > Marcadores

Notícias (737) Poeta (655) Poesia (414) Eventos (369) Cultura (276) Poema (267) Literatura (200) Livros (158) Prémio (96) Citação (76) Pessoa (57) Brasil (54) BIO (53) CFP (51) Portugal (50) Falecimento (39) Internet (39) Lisboa (39) Arte (34) Português (34) Festival (31) Lançamento (31) Poetícia (29) Teatro (28) Exposição (26) Leitura (26) Concursos (24) IC (24) Pintura (24) Livro Raro (23) Internacional (21) Memória (21) Música (21) Revistas (21) Crónica (20) Europa (20) Feira do Livro (20) Blog (19) Camões (19) Lusofonia (19) Poesia Erótica (19) Ciclo Poetas do Mundo (18) Encontro (18) Autor (16) BN (15) Conferência (15) Cinema (14) Novos Autores (14) Entrevista (13) Livraria (13) Recital (13) Biblioteca (12) Dia Mundial da Poesia (12) Línguas (12) Sintra (12) Antologia (11) Colóquio (11) História (11) Mundo (11) Museu (11) SPA (11) PNET (10) Porto (10) Festa (9) Homenagem (9) Irene Lisboa (9) Itália (9) Andrade (8) Crianças (8) Crítica (8) DN (8) EUA (8) Política (8) Tradução (8) Triplov (8) CCB (7) Ciclo (7) Espanha (7) Espanhol (7) Espólio (7) Alegre (6) Algarve (6) Aniversário (6) António Pina (6) Artigo (6) Belo (6) CNC (6) Educação (6) Escritor (6) Espanca (6) Inédito (6) Liberdade (6) Natal (6) Poe (6) Promoção (6) Russia (6) Shakespeare (6) APEL (5) Angola (5) Botto (5) Breyner Andresen (5) Checa (5) Chile (5) Digital (5) Escrita (5) Estudos (5) Fotografia (5) Helder (5) Infantil (5) JN (5) Leilão (5) Lusiadas (5) Moçambique (5) Novalis (5) Pessanha (5) Plath (5) Quental (5) RTP (5) Torga (5) Um Poema por Semana (5) Vida (5) Whitman (5) África (5) APE (4) Alice Branco (4) Almada (4) Argentina (4) Açores (4) Baudelaire (4) Cabo Verde (4) Cervantes (4) Ciência (4) Coimbra (4) Drummond de Andrade (4) Editora (4) Ernane C. (4) Espectáculo (4) Filipe de Fiuza (4) Filme (4) Filo-café (4) Fonseca (4) Gama (4) Gulbenkian (4) Ibérica (4) Informação (4) Literacia (4) Lourenço (4) Madeira (4) Neruda (4) O'Neill (4) Pais Brandão (4) Pascoaes (4) Ramos Rosa (4) Rimbaud (4) Régio (4) Surrealismo (4) Tavira (4) Teresa Horta (4) Tolentino Mendonça (4) Universidade (4) Actualidade (3) Al Berto (3) Ameríndios (3) América (3) Arruda dos Vinhos (3) Barreiro (3) Barros (3) Borges (3) Byron (3) Carlos de Oliveira (3) Celan (3) Cesariny (3) Coreia (3) Correntes d'Escritas (3) Cursos (3) Dança (3) Debate (3) Dia Mundial do Livro (3) Economia (3) Eliot (3) Escola (3) Especial Poetícia (3) FBP (3) Fado (3) Famalicão (3) Filósofo (3) França (3) Funchal (3) Garcia Lorca (3) Gedeão (3) Goethe (3) Gomes Ferreira (3) Governo (3) Gusmão (3) Hölderlin (3) Japão (3) Jornal (3) Junqueiro (3) Júdice (3) Keats (3) Latinidade (3) Luisa Amaral (3) Mirandês (3) Mourão-Ferreira (3) Natureza (3) Nava (3) Neo-realismo (3) Nerval (3) Nietzsche (3) Nobel (3) Nova Águia (3) Ondina Braga (3) Opinião (3) Palestra (3) Paris (3) Popular (3) Pushkin (3) RAP (3) Rapper (3) Salvado (3) Saramago (3) Silves (3) Silêncio (3) Sociedade (3) Sá-Carneiro (3) Tagore (3) Tamen (3) Tasso (3) Tertúlia (3) Turquia (3) Viagens (3) Vieira (3) Walcott (3) Yeats (3) 2º Aniversário (2) Akhmadulina (2) Alagamares (2) Alentejo (2) Alighieri (2) Almeida (2) Almira Medina (2) Ar livre (2) Ariosto (2) Arquitectura (2) Artaud (2) Avis (2) Azenha (2) Bachmann (2) Bai (2) Baptista (2) Barco (2) Bashô (2) Berardinelli (2) Bienal (2) Blake (2) Bocage (2) Bolsas (2) Brecht (2) Bugalho (2) CPLP (2) Cacela Velha (2) Café (2) Caldas da Rainha (2) Campos (2) Cancioneiro (2) Cannes (2) Capital (2) Carlos Cortez (2) Carnaval (2) Carvalho (2) Casa (2) Cascais (2) Castelo Branco (2) China (2) Cidadania (2) Cidade (2) Concreto (2) Congresso (2) Conto (2) Correia (2) Costa (2) Crise (2) Cruz (2) Cruz e Silva (2) Cuba (2) Culturest (2) Cummings (2) Daniel (2) Darwich (2) Deus (2) Divulgação (2) Diónisos (2) Echevarría (2) Falero (2) Freitas (2) Fu (2) Futurismo (2) Gancho (2) Garcias (2) Gomes (2) Google (2) Gotemburgo (2) Guarda (2) Gullar (2) Hatherly (2) Herculano (2) Hikmet (2) Hip-Hop (2) Homero (2) Hughes (2) Humor (2) Ideias (2) Imagem (2) Inauguração (2) Inglaterra (2) Inovação (2) Jacinto (2) Jazz (2) John-Perse (2) José Forte (2) Jovem (2) Juyi (2) Kipling (2) Klimt (2) Lacerda (2) Lautreamont (2) Leal (2) Letras (2) Leya (2) Lima (2) Maiakovski (2) Manifesto (2) Mar (2) Margarit (2) Mediterranea (2) Momento (2) Montale (2) Moraes (2) Mostra (2) Mulher (2) Musset (2) Negreiros (2) Nemésio (2) Nobre (2) Oriente (2) Osório (2) Ovar (2) Ovídio (2) PEN (2) Petrarca (2) Piaget (2) Picasso (2) Pindaro (2) Pitta (2) Pobreza (2) Pound (2) Póvoa do Varzim (2) Qatrân (2) Quintana (2) Revolução (2) Rilke (2) Robô (2) Rock (2) Russo (2) Safo (2) Santos (2) Sarau (2) Seferis (2) Seminário (2) Sena (2) Setúbal (2) Shan (2) Shelley (2) Silva Carvalho (2) Szymborska (2) São Tomé e Principe (2) Tennyson (2) Thomas (2) Turismo (2) USA (2) Ubarana (2) Verde (2) Video (2) Wordsworth (2) Workshop (2) Zhi (2) Zimbabue (2) África do Sul (2) 1870 (1) 2012 (1) A Trama (1) ABL (1) ACAPO (1) ACAT (1) Abril (1) Academia (1) Acordo Ortográfico (1) Adoum (1) Agamben (1) Agricultura (1) Aguiar e Silva (1) Aigner (1) Akhmátova (1) Al-Mu'tamid (1) Alain Bosquet (1) Alba (1) Aleixo (1) Alemanha (1) Almedina (1) Almeida e Sousa (1) Alorna (1) Alquímia (1) Alves (1) Alves Redol (1) Alzheimer (1) Ambiente (1) Amesterdão (1) Amichai (1) Amnistia Internacional (1) Amor (1) Amália (1) América Latina (1) Anjos (1) Ankara (1) Ano Novo (1) Anónimo (1) Ap Gwilym (1) Apollinaire (1) Apostas (1) Argumento (1) Ariadna (1) Arquíloco (1) Artista (1) Associação Âncora (1) Ateliê (1) Auden (1) Avelar (1) Aventura (1) Award (1) Azevedo (1) BB (1) BD (1) Baba (1) Bacelar (1) Baena (1) Balear (1) Banco de Livros (1) Bandeira (1) Barcelona (1) Barnes and Noble (1) Bebés (1) Behbahani (1) Beira (1) Belgrado (1) Bellman (1) Bem-vindo (1) Benavente (1) Benedeit (1) Benedetti (1) Benfeita (1) Bengala Branca (1) Benn (1) Berlin (1) Bertrand (1) Bessa (1) Bicentenário (1) Bilac (1) Bioarte (1) Birds of America (1) Bishop (1) Blaga (1) Botelho (1) Braille (1) Brasilia (1) Breton (1) Brines (1) Britiande (1) Brito (1) Brito e Abreu (1) Brochado (1) Browning (1) Bueno (1) Burns (1) Buson (1) Buñuel (1) Bíblia (1) CCPE (1) CVC (1) Cabrita (1) Caeiro (1) Calderón (1) Caminhada (1) Campanha (1) Campino (1) Campion (1) Campo (1) Canada (1) Candidatura (1) Caneta (1) Canto (1) Cardenal (1) Cardiff (1) Carlos Williams (1) Carneiro (1) Carson (1) Cartas (1) Casa Mateus (1) Casais Monteiro (1) Castro (1) Catalão (1) Catroli do Carmo (1) Causas (1) Cavafy (1) Cavalcanti (1) Cegueira (1) Celebração (1) Cendrars (1) Chagas (1) Chandong (1) Char (1) Chaucer (1) Chen-Ch'ing (1) Cheng (1) Christensen (1) Chá (1) Claraval (1) Clifton (1) Cochofel (1) Coleridge (1) Comboio (1) Competição (1) Comunidade (1) Condenação (1) Convenção (1) Conversa (1) Cordelismo (1) Corona (1) Correia d'Oliveira (1) Correspondência (1) Cortesão (1) Couto Viana (1) Coyolchiuhqui (1) Crane (1) Criatividade (1) Cristina César (1) Cros (1) Cruzeiro (1) Crítico (1) Cuetzpaltzin (1) Cullen Bryant (1) Cupertino de Miranda (1) Cátedra (1) Césaire (1) César (1) Da Vinci (1) Danças com História (1) Dao (1) Data (1) De Castro (1) Delvaux (1) Denka (1) Descoberta (1) Desconhecido (1) Design (1) Desporto (1) Dia Mundial da Árvore (1) Dia de Camões (1) Dicionário (1) Dickinson (1) Direito de Autor (1) Direitos Humanos (1) Discriminação (1) Documentário (1) Dona Maria (1) Donne (1) Dramaturgo (1) Duarte de Carvalho (1) Dublin (1) Ducasse (1) Durban (1) Duro (1) Díli (1) E-learning (1) Edimburgo (1) Eduardo Lourenço (1) Efrém (1) Egipto (1) Ehoua (1) Eldár (1) Eluard (1) Eléctrico (1) Elísio (1) Emerson (1) Emigrante (1) Emilio Pacheco (1) Emílio Pacheco (1) Encontro Internacional de Poetas (1) Ensaio (1) Ensino (1) Equador (1) Erba (1) Escultor (1) Escultura (1) Eslováquia (1) Eslovénia (1) Esoterismo (1) Espaço (1) Espírito Santo (1) Esquilo (1) Estatística (1) Europeana (1) Exclusão Social (1) Experiências (1) Exportação (1) Facebook (1) Fantástico (1) Faraz (1) Faria (1) Farrokhzad (1) Feijó (1) Feira (1) Felipe (1) Felício (1) Feminino (1) Figueiredo Sobral (1) Fim (1) Fim de Poetícia (1) Fliporto (1) Florença (1) Floriano Martins (1) Formação (1) Francês (1) Frei (1) Freire (1) Freixo de Espada à Cinta (1) Friol (1) Frost (1) Frágil (1) Fundação (1) Fundação Calouste Gulbenkian (1) Fundação Inês de Castro (1) Futebol (1) Fábrica (1) Férin (1) Fórum (1) Galeria (1) Galêgo (1) Garrett (1) Gelman (1) Gil (1) Godward (1) González (1) Grade (1) Granada (1) Gratuito (1) Graves (1) Graça Moura (1) Graça de Abreu (1) Grimshaw (1) Grã-Bretanha (1) Grécia (1) Guerra Colonial (1) Guimarães (1) Guiness (1) Guiné-Bissau (1) H.D. (1) Hadfield (1) Haiku (1) Heaney (1) Henriques (1) Heraclito (1) Hino de Portugal (1) Holanda (1) Holub (1) Homem de Mello (1) Hugo (1) Huigen (1) Humanidade (1) IPLB (1) ISPA (1) Importação (1) Inscrições (1) Inés de la Cruz (1) Inútil (1) Iraque (1) Islão (1) Istambul (1) Jacob (1) Jamís (1) Jay-Z (1) Jordânia (1) Jorge (1) Jornal de Letras (1) Jornalismo (1) José Borges (1) Joyce (1) Kahlo (1) Khayyam (1) Khonds (1) Klopstcock (1) Knopfli (1) Kobayashi (1) Komrij (1) Kontrastes (1) Kundera (1) Kung (1) Kwesi Johnson (1) La Féria (1) Lagos (1) Lamartine (1) Lamego (1) Lasker-Schuler (1) Laučik (1) Laâbi (1) Lei (1) Leitor (1) Lello (1) Lempicka (1) Leopardi (1) Lermontov (1) Letras Eternas (1) Lima Freire (1) Limaverde (1) Lituânia (1) Livreiros (1) Livro de Bolso (1) Llansol (1) Lobato Faria (1) Logau (1) Londres (1) Longfellow (1) Lopes (1) Lopes Mota (1) Louis Stevenson (1) Loulé (1) Luanda (1) Lucas (1) Lun (1) Lusa (1) Luxenburgo (1) Luz (1) Luís Mendonça (1) Luís Tavares (1) Lêdo Ivo (1) MRR (1) MacMhuirich (1) Macedo (1) Machico (1) Madrid (1) Mafra (1) Magaia (1) Magritte (1) Mallarmé (1) Mandelstam (1) Manguel (1) Manjas (1) Manuscrito (1) Maputo (1) Maratona (1) Margarido (1) Marginal (1) Maria Lisboa (1) Martins (1) Martí (1) Mascarenhas (1) Matisse (1) Matos e Sá (1) Matosinhos (1) Mavila (1) Mecenato (1) Mensagem (1) Menéres (1) Mercado Livreiro (1) Merini (1) Millares Sall (1) Milosz (1) Milton (1) Ministério da Cultura (1) Mirabai (1) Mistral (1) Mondrian (1) Monroe (1) Montecinos (1) Montejo (1) Moore (1) Morrison (1) Mota (1) Multimédia (1) Máquinas de Escrever (1) Narek (1) Nascimento (1) Nave (1) Nazaré (1) Nejar (1) Neto (1) Neto Jorge (1) Neves (1) Nexe (1) Noite (1) Nova Era (1) Nova Yorque (1) Nova Zelândia (1) Novidade (1) Novo (1) Nuove Voci (1) Náutica (1) O'Hara (1) ONU (1) Obama (1) Oeiras (1) Olhão (1) Onestes (1) Opera (1) Outono (1) Oxford (1) PLAV (1) Pacheco (1) Palavra (1) Palavra Ibérica (1) Palmela (1) Pampano (1) Paraná (1) Paraty (1) Pardal (1) Parfums de Lisbonne (1) Parménides (1) Parque (1) Pashtun (1) Pasolini (1) Passeio (1) Passos (1) Pasternak (1) Patraquim (1) Património (1) Pavese (1) Paz (1) Pecora (1) Pedro Guisado (1) Pedrosa (1) Peniche (1) Penna (1) Pereira Dias (1) Personalidades (1) Petição (1) Pigmeus (1) Pignatari (1) Pinter (1) Pinto do Amaral (1) Pires Cabral (1) Pitágoras (1) Piva (1) Pizarnik (1) Pluresia (1) Poema Visual (1) Poesia Experimental (1) Poesia Visual (1) Poetria (1) Poetry Slam (1) Poiesis (1) Polegatto (1) Popa (1) Pope (1) Portal (1) Portalegre (1) Portugal Telecom (1) Portuguesia (1) Postal (1) Powell (1) Praga (1) Presidência (1) Primavera (1) Projecto (1) Prosa (1) Prévert (1) Psicanálise (1) Psicologia (1) Pucheu (1) Pulquério (1) Quadros (1) Quasimodo (1) Queiroz (1) Qunanbayuli (1) Rasteiro (1) Realismo (1) Rebordão Navarro (1) Recorde (1) Rede Social (1) Reflexão (1) Rei (1) Reid (1) Reis (1) Reis Pereira (1) Relatório (1) Religião (1) Renoir (1) Reportagem (1) República (1) Resende (1) Residência (1) Reunião (1) Reznikoff (1) Ribatejo (1) Ribeiro (1) Rio Maior (1) Rio de Janeiro (1) Rios (1) Riqueza (1) Rita Lopes (1) Robbe-Grillet (1) Rocha (1) Rodrigues (1) Rojas (1) Rossetti (1) Rua (1) Rui de Sousa (1) Rumi (1) Russa (1) Rússia (1) Sa Du La (1) Saba (1) Sabrosa (1) Salazar Sampaio (1) Samba (1) Sameiro Barroso (1) Sanguineti (1) Sant'Anna (1) Santo Tirso (1) Saraiva (1) Sarajlic (1) Sartes (1) Scott-Heron (1) Seixal (1) Selene (1) Sepé Tiaraju (1) Serralves (1) Sertã (1) Sesc (1) Sexo (1) Sfinx (1) Shang-Yin (1) Shibata (1) Shiki (1) Shiking (1) Simões Dias (1) Soares de Passos (1) Soei (1) Solidariedade (1) Sousa Santos (1) Spoken Word (1) Stein (1) Stevens (1) Suicídio (1) Swenson (1) Swinburne (1) São Brás de Alportel (1) São João da Madeira (1) São Luis (1) São Paulo (1) Século XXI (1) Sénior (1) Sófocles (1) Tafdrup (1) Talento (1) Tao Yuanming (1) Tarkovskii (1) Teatro Negro (1) Tecnologia (1) Tejo (1) Teleutas (1) Televisão (1) Telles de Menezes (1) Terapia (1) Terra (1) Terras do Bouro (1) Textualino (1) Thiruvalluvar (1) Tibério (1) Timor (1) Tizatlan (1) Tokyo (1) Tordesilhas (1) Torneio (1) Torres Filho (1) Tovar (1) Trakl (1) Tranströmer (1) Tsvetayeva (1) Turco (1) Tzara (1) (1) UEP (1) UNESCO (1) UNICEPE (1) Ungaretti (1) União (1) Urbana (1) Valentino (1) Valmiki (1) Valéry (1) Veneza (1) Venezuela (1) Verlaine (1) Vigo (1) Vila Franca de Xira (1) Vila Nova de Cerveira (1) Vila Nova de Foz Côa (1) Vila Real de Santo António (1) Vilaret (1) Villon (1) Virgílio (1) Virgínio (1) Volte-Face (1) Voznessenski (1) Walser (1) Web-Jornal (1) Well (1) Whittier (1) XL (1) Xi (1) Yesenin (1) Yevtushenko (1) Yoka (1) You (1) Yuan (1) Zambrano (1) Zaratustra (1) Zuhyar (1) Zunhis (1) de la Vega (1) von Bingen (1) we are more (1) Árabe (1) Épico (1) Índia (1)